terça-feira, 18 de abril de 2017

BR: Anuidade e Plano de Saúde

Queridos colegas,
hoje comemoramos mais um Dia Nacional do Livro Infantil.
Nosso setor é um dos mais afetados pela crise que o Brasil enfrenta, motivo pelo qual precisamos nos unir cada vez mais e formar mais e mais parcerias sólidas, que possam beneficiar a todos os envolvidos, mas, principalmente, que nos ajudem a manter acesa a chama da nossa vocação e do nosso compromisso com a infância e adolescência no campo da LIJ.
Estamos finalizando o processo de transferência da sede da AEILIJ para trazê-la de volta para o Rio de Janeiro. Como foi explicado na última Assembleia, os trâmites para esse fim são demorados e caros. Por isso fazemos um chamamento neste momento, para que todos os que puderem pagar a anuidade de 2017, o façam.
Até 30 de junho, como no ano passado, estamos concedendo o desconto de 50% do valor de 2017 (integral = R$220,00; até 30/6 = R$110,00) para os companheiros que estiverem em dia com as anuidades de 2015 e 2016 (houve anistia de 2014 para trás).
Quem estiver com alguma dúvida sobre sua situação, peço que me envie email solicitando informações com o título ANUIDADE AEILIJ - CONSULTA.
Temos preferido a modalidade depósito ou transferência em vez do boleto, porque geram-se custos adicionais no ato da emissão e não no ato do pagamento.
Para efetuar depósito/transferência, seguem as informações:
AEILIJ - Bradesco - ag. 0472 cc 044758-7 CNPJ 03374569/0001-05). Após quitação, passar o comprovante para o email da tesouraria@ aeilij.org.br com cópia para o meu (andreaviviana@ uol.com.br) OU emitir boleto no site acessando seu perfil e mandando comprovante para os emails informados.


ATENÇÃO ASSOCIADOS DO RIO DE JANEIRO:
há anos estamos buscando uma opção de plano de saúde para nossos associados.
Em função de não existir vínculo empregatício entre os associados e o CNPJ da AEILIJ, não temos como negociar um plano de Pessoa Jurídica.
No entanto, surgiu a possibilidade de obtermos um desconto na qualidade de "grupo" no Silvestre Saúde, que cobre Rio de Janeiro (capital), Niterói, São Gonçalo e Itaboaraí.
Para dar prosseguimento à possível negociação, preciso saber: 
se há associados interessados do Rio e arredores em obter/mudar plano de saúde
se sim, idade e gênero de titular e dependentes (só podem ser cônjuges e filhos)

Saudações aeilijianas da tesoureira
Andrea Viviana Taubman

quarta-feira, 22 de março de 2017

RS: Nova associada: Eleonora Medeiros

ELEONORA MEDEIROS

1) Fale um pouco sobre o começo do seu trabalho com LIJ.
Quando criança, sempre preferi ler, rabiscar e escrever a brincar na rua. Meu fascínio pela leitura e seu processo começou no Curso de Magistério onde como aluna, mediadora de leitura, encantei-me com o poder que os livros têm sobre a infância. No curso, havia uma professora de LIJ que acreditava no meu potencial e encorajou-me a aprofundar os estudos nesta área, procurei também apoio em cursos de teatro e jogos dramáticos. Formada em Pedagogia e ministrando aulas especializadas durante 20 anos, pude aprofundar estudos  sobre o interesse infantil no universo literário.  Aos poucos fui construindo uma vasta biblioteca pessoal e colecionando histórias na alma para espalhar e repartir com quem encontrava no caminho. O desejo de difundir a literatura infantil levou-me à iniciativa de abrir uma livraria especializada em LIJ que recebia publico infantil para audição de histórias e poesias, saraus, oficinas, leitura e aquisição de livros para que cada um pudesse fazer a sua biblioteca pessoal. No meio de tantos contos que chegavam às minhas mãos, minhas narrativas começaram a brotar. Uma pequena editora interessou-se e fizemos uma bela parceria. Gosto de pensar que a Literatura infantil é um passarinho, que procura fazer ninho no coração das crianças. Hoje viajo a convite, levando histórias para que elas façam novos ninhos.

2) Três livros seus para quem não te conhece.
A história que escrevi em 1998, "Uma colcha para cobrir o mundo", ilustrada  por Dane D'Angeli, é uma viagem no universo mágico da relação entre uma neta e sua avó. O livro evoca os laços entre nossos familiares e os cuidados que devemos ter com o ambiente que nos rodeia despertando o cuidado com a natureza e seus seres vivos. Um tema abordado com delicadeza, nestes tempos acelerados, onde tudo é urgente. Como faz falta sentar e apreciar o por do sol, colher frutas no pomar, refrescar os pés no riacho, fazer um cafuné no filho. São gestos simples, tão importantes e tão esquecido.
"Luzia  A gatinha pretinha" foi meu maior desafio. O processo de criação desabrochou em mim diferentes veias artísticas. Ilustrei o livro em parceria com minha filha mais velha Paola Medeiros. Compus 10 canções e melodias com  Cesar Santos, cantor e compositor, e gravei as canções do CD que acompanham o livro. Produzi um musical com a  professora de ballet  Lenise Ebre e suas 38 alunas. O musical do livro foi apresentado em 2 sessões no Teatro Rosalina Pandolfo, em Uruguaiana e no Centro Cultural em Alegrete. A história é meu carro chefe! Sou convidada a levar Luzia a muitas feiras de livros escolares pelo estado do RS e também a feiras de âmbito municipal, estadual e nacional, como foi o caso da Feira de Resende – FLIR – e a de Joinville. Devo muito a esta gatinha!  Aqui meu foco era a aceitação das diferenças e a quebra de tabus e superstições.
"A Princesa escabelada e o galante vendedor de pentes” escrevi na época em que li os livros de Diana Corso e desejei aventurar-me  no mundo dos contos de fadas. O resultado foi um livro divertido para crianças e pré-adolescentes, que estão em um momento de descobertas e mudanças. Narra a aventura de dois personagens que desejam ser quem realmente são, mas batem de frente com  as expectativas do mundo em relação a eles.  

3) Quais os seus planos para os próximos cinco anos?
Pretendo seguir estudando e viajando, criando e publicando. O estudo aprofundado da palavra é algo que desejo muito, através de cursos de escrita criativa, especializações, mestrado, doutorado. É um sonho de consumo distante para quem mora no interior e não tem acesso a grandes instituições. Por isso, tenho metas e planos que pretendo realizar em um futuro a longo prazo. Nos próximos cinco anos pretendo continuar estudando livros especializados, da área da literatura e aprendendo com pessoas que encontro ao levar as histórias. Planejar o futuro é algo incrível, pois estes planos passam pelo imaginário e assim podemos ser o que sonhamos ser. Eu sou muito feliz, sou o que sonhei ser até aqui. Levo para minha comunidade e por onde ando a minha contribuição, as minhas histórias e aquelas que recolho pelo caminho em minhas andanças. 


Foto: Arquivo pessoal

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

BR: Bienal de Ilustrações de Bratislava

A Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil - FNLIJ, integrante da organização internacional da Bienal de Ilustrações de Bratislava, selecionará os ilustradores brasileiros que participarão da edição de 2017 do evento.

A Bienal está marcada para setembro mas os ilustradores só tem até o dia 01/03/2017 para enviar seus livros lançados entre 2015 e 2017 para a Fundação.

Mais informações nas páginas da FNLIJ no Facebook (www.facebook.com/FNLIJ) ou pelo site da Fundação em www.fnlij.org.br.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

BR: Anuário 2017 da AEILIJ

Saiba quais foram os livros lançados pelos autores associados em 2016, leia a ótima entrevista com a escritora e especialista em Literatura Infantil e Juvenil Ninfa Parreiras, relembre o trabalho realizado por nossos ilustradores nos Ninhos de Livros e fique por dentro do que foi realizado pela associação ao longo do ano passado.

O Anuário 2017 da AEILIJ é uma excelente ferramenta de pesquisa para professores, jornalistas, leitores e profissionais ligados à cultura. Aqui estão os trabalhos de alguns dos mais importantes escritores e ilustradores de literatura infantojuvenil do país.

Divulguem para os jornais, revistas, sites, blogs e afins!

ANUÁRIO AEILIJ 2017
Edição: Alexandre de Castro Gomes
Projeto Gráfico: Patrícia Melo e Fabio Maciel (Varal Editorial)
Entrevistador e Entrevistado: Sol Mendonça e Ninfa Parreiras
Capa: Cris Alhadeff
Ilustrações: Fabio Maciel
Revisão: Maurício Veneza e Alexandre de Castro Gomes
http://www.aeilij.org.br

Para folhear em formato de revista no Issuu:

Para fazer o download em pdf:

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

PR: Nova associada: Jaqueline Conte

JAQUELINE CONTE

1) Fale um pouco sobre o começo do seu trabalho com LIJ.
Ler literatura e escrever, sobretudo poemas, sempre foi natural para mim, desde pequena. Esse mundo me atraía demais. Foi o amor pela escrita que me motivou a ingressar na faculdade de jornalismo. Mas o trabalho intenso na profissão acabou por me afastar dessa veia literária. Depois que me tornei mãe e passei a ler diariamente para minha filha, reaproximei-me da literatura infantil e desse universo maravilhoso da infância. Aliado a esse fato, quando minha filha tinha 6 anos, comecei a fazer uma pós-graduação em Economia Criativa e Colaborativa e a refletir sobre a minha essência. A paixão por escrever era clara e o próprio trabalho de conclusão de curso deu início à primeira iniciativa literária infantojuvenil, o projeto Mil Futuros Desejáveis (http://jqconte.wix.com/milfuturosdesejaveis e http://www.facebook.com/milfuturosdesejaveis); ainda em desenvolvimento, pela complexidade da proposta e da execução, que envolve co-criação, interação e leitura compartilhada. Esse projeto me abriu muitos caminhos e foi o responsável por colocar a literatura infantil no centro dos meus objetivos e esforços profissionais. Hoje faço pós-graduação em Produção e Gestão Editorial Multiplataforma, na PUC-PR, e acabei de ser aprovada para o mestrado em Linguagens, da UTFPR, que começa em 2017, durante o qual pesquisarei a literatura infantojuvenil e o livro digital interativo.

2) Três livros seus para quem não te conhece.
Acabo de lançar meu primeiro livro, de poemas para crianças: “Na casa amarela do vovô, Joaninja come jujubas” (Curitiba: MercadoLivros, 2016), também com uma proposta interativa. Ao lado dos poemas, a criança tem espaço para fazer sua própria versão do texto em forma de imagem, ou seja, pode desenhar o poema ou recriá-lo como quiser. Estou muito feliz com a receptividade que o livro vem tendo, em tão pouco tempo, e com as coisas maravilhosas que as crianças estão produzindo (e me enviando). Só por um dos feedbacks que tive já posso dizer que valeu a pena. Uma mãe me mandou uma mensagem dizendo que a filha adorou o livro e que a obra havia despertado na criança o prazer de ler poemas. Pode haver coisa melhor?.

3) Quais os seus planos para os próximos cinco anos?
Aprender muito mais sobre literatura infantojuvenil, concluir o mestrado em Linguagens e Tecnologia e desenvolver vários projetos na área, alguns já iniciados e outros que com certeza surgirão. Gostaria de contribuir para projetos de incentivo à leitura e para que a literatura para crianças seja cada vez mais forte e valorizada no Brasil.

Jaqueline Conte é jornalista, com 19 anos de atuação em mídia impressa, agências de comunicação e comunicação pública. Pós-graduada em Economia Criativa e Colaborativa; Fotografia; e Marketing e Publicidade. Formada em Pâtisserie e Boulangerie pelo Centro Europeu. Pós-graduanda em Produção e Gestão Editorial Multiplataforma, pela PUC-PR, e mestranda em Linguagens pela UTFPR.


Foto: Arquivo pessoal

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

BR: 2a Antologia da AEILIJ


CONVITE PARA A 2ª ANTOLOGIA DA AEILIJ
  
A diretoria da AEILIJ (Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil) tem o prazer de convidar seus associados para participarem da 2ª Antologia da AEILIJ.

Nosso interesse é fomentar o intercâmbio entre os autores, promover a criação coletiva e, acima de tudo, estimular a leitura.

Trata-se de uma coletânea de contos criados por nossos associados que, sem fins lucrativos, será veiculada pela internet, no formato ebook, e divulgada através das redes sociais. A comissão encarregada de receber, organizar, escolher ilustrações, assim como definir capa e o projeto gráfico será formada a partir de indicação da diretoria.

Os textos deverão abordar a temática da culinária e, obrigatoriamente, deverão ser seguidos da receita de um prato citado no conto. Atentem para o fato de que se trata de um livro para crianças e o gênero conto é obrigatório. 

Serão selecionados 20 contos de associados em dia com a anuidade e uma cópia do livro será exposta nos eventos e nas feiras em que a AEILIJ estiver presente ao longo do ano.

O título da antologia será criado pela comissão organizadora a partir da leitura dos trabalhos recebidos.

A seguir o regulamento e prazo de entrega de seus textos.


REGULAMENTO

I - Apenas associados em dia com a anuidade poderão participar desta Antologia.
II - Apenas contos poderão ser incluídos nesta antologia.
     1.1 - Os contos deverão ser dirigidos ao público infantil.
     1.2 - Os contos deverão ser inéditos e precisam, necessariamente, mencionar uma comida na narrativa, cuja receita seja evidentemente já testada. É preciso atentar para o fato de que as receitas que seguirão os contos deverão descrever com clareza e precisão os ingredientes e o modo de fazer, nesta ordem, para que se apresentem de forma padronizada. A comissão não irá testá-las, portanto, sua eficiência é de total responsabilidade do autor.
     1.3 - Só serão aceitos os contos que contenham a respectiva receita.
III - Os contos deverão ser entregues já revisados por seus autores de acordo com as regras de ortografia da língua portuguesa. 
     1,1 - Os contos que não estiverem revisados serão recusados.
IV - Cada conto deverá ter no máximo três laudas e será encaminhado via e-mail, para cristinavillaca@hotmail.com, com cópia para oalexgomes@hotmail.com, juntamente com uma foto do autor em alta definição. 
V - Os contos deverão ser enviados até 30 de abril de 2017 impreterivelmente.
VI - A antologia será composta de até 20 contos, dando-se preferência àqueles que forem entregues já finalizados e ajustados.
VII - Os autores deverão assinar o termo de autorização para a veiculação de seus contos/ilustrações, que poderão ser entregues por e-mail depois de devidamente assinados, condição irrefutável para a inclusão dos mesmos na Antologia. (Clique aqui para fazer o download do termo de cessão.)
VIII - Os prazos de entrega deverão ser rigorosamente respeitados.


Cristina Villaça, organizadora da 2ª Antologia da AEILIJ

Alexandre Castro Gomes, presidente da AEILIJ



segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

RJ: Confraternização de fim de ano

A AEILIJ – RJ convida os associados para uma confraternização de fim de ano!

Apesar do ano difícil, é hora de comemorar as conquistas e celebrar a amizade e a literatura infantil e juvenil. Vamos colocar o papo em dia e pensar em 2017 e, quem sabe, começar alguma parceria ou projeto? O que não falta é gente talentosa!

Será organizado um amigo oculto literário, então leve um livro de presente para a brincadeira ;)
Leve também algo para beber ou comer. 

Local: Federação das Academias de Letras e Artes do Rio de Janeiro (FALARJ)
Endereço: Rua Teixeira de Freitas, nº 5 sala 303 – Passeio/RJ
Data e horário: 20/12/2016, de 16h às 19h