terça-feira, 16 de junho de 2020

Regimento AEILIJ

Nosso REGIMENTO INTERNO está pronto!

Depois de meses de conversas, e de consultas aos nossos Conselhos - Consultivo e Fiscal - a Diretoria atual entrega aos associados o nosso Regimento Interno, que deve regular as ações da AEILIJ em consonância com o Estatuto.
Este documento, embora aprovado pela Diretoria Executiva e pelos Conselhos, ainda deverá ser aprovado pelos associados em Assembleia Geral Ordinária, assim que pudermos realizar nossa AGO de 2020.
Fomos avisados pelo Jurídico de nossa Contabilidade que a legislação não permite que realizemos AGO neste mês, por conta da pandemia e das restrições a reuniões presenciais. Haverá, portanto, um adiamento por Lei; estamos aguardando mais instruções legais para proceder.
De qualquer forma, fica aqui o link para que os associados estejam cientes de nossa proposta de RI e se preparem para votar, assim que pudermos nos reunir em Assembleia:

domingo, 19 de abril de 2020

Movimento por um Brasil Literário

Relembrando o querido Bartolomeu Campos de Queirós, sempre é bom destacar que somos signtários do Movimento por um Brasil Literário, que foi lançado em 2009 com o seguinte manifesto: 


O Movimento por um Brasil Literário manifesta sua intenção de concorrer para fazer
do País uma sociedade leitora. Reconhecemos como princípio o direito de todos de
participarem da produção também literária. No mundo atual, considera-se a
alfabetização como um bem e um direito. Isto se deve ao fato de que com a
industrialização as profissões exigem que o trabalhador saiba ler. No passado, os
ofícios e ocupações eram transmitidos de pai para filho, sem interferência da escola.
Alfabetizar-se, saber ler e escrever tornaram-se hoje condições imprescindíveis à
profissionalização e ao emprego. A escola é um espaço necessário para
instrumentalizar o sujeito e facilitar seu ingresso no trabalho. Mas pelo avanço das
ciências humanas compreende-se como inerente aos homens e mulheres a necessidade
de manifestar e dar corpo às suas capacidades inventivas. Por outro lado, existe um
uso não tão pragmático de escrita e leitura. Numa época em que a oralidade perdeu,
em parte, sua força, já não nos postamos diante de narrativas que falavam através da
ficção de conteúdos sapienciais, éticos, imaginativos.
É no mundo possível da ficção que o homem se encontra realmente livre para pensar,
configurar alternativas, deixar agir a fantasia. Na literatura que, liberto do agir prático
e da necessidade, o sujeito viaja por outro mundo possível. Sem preconceitos em sua
construção, daí sua possibilidade intrínseca de inclusão, a literatura nos acolhe sem
ignorar nossa incompletude.
É o que a literatura oferece e abre a todo aquele que deseja entregar-se à fantasia.
Democratiza-se assim o poder de criar, imaginar, recriar, romper o limite do provável.
Sua fundação reflexiva possibilita ao leitor dobrar-se sobre si mesmo e estabelecer
uma prosa entre o real e o idealizado.
A leitura literária é um direito de todos e que ainda não está escrito. O sujeito anseia
por conhecimentos e possui a necessidade de estender suas intuições criadoras aos
espaços em que convive. Compreendendo a literatura como capaz de abrir um diálogo
subjetivo entre o leitor e a obra, entre o vivido e o sonhado, entre o conhecido e o
ainda por conhecer; considerando que este diálogo das diferenças, inerente à
literatura, nos confirma como redes de relações; reconhecendo que a maleabilidade do
pensamento concorre para a construção de novos desafios para a sociedade;
afirmando que a literatura, pela sua configuração, acolhe a todos e concorre para o
exercício de um pensamento crítico, ágil e inventivo; compreendendo que a metáfora
literária abriga as experiências do leitor e não ignora suas singularidades.
Outorgando a si mesmo o privilégio de idealizar outro cotidiano em liberdade, e
movido pela intimidade maior de sua fantasia, um conhecimento mais amplo e
diverso do mundo ganha corpo, e se instala no desejo dos homens e mulheres
promovendo os indivíduos a sujeitos e responsáveis pela sua própria humanidade. De
consumidores passa-se a investidores na artesania do mundo. Por ser assim, perseguese uma sociedade em que a qualidade da existência humana é buscada como um bem
inalienável.
Liberdade, espontaneidade, afetividade e fantasia são elementos que fundam a
infância. Tais substâncias são também pertinentes à construção literária. Daí, a
literatura ser próxima da criança. Possibilitar aos mais jovens acesso ao texto literário
é garantir a presença de tais elementos, que inauguram a vida, como essenciais para o
seu crescimento. Nesse sentido é indispensável a presença da literatura em todos os
espaços por onde circula a infância. Todas as atividades que têm a literatura como
objeto central serão promovidas para fazer do País uma sociedade leitora. O apoio de
todos que assim compreendem a função literária, a proposição é indispensável. Se é
um projeto literário é também uma ação política por sonhar um País mais digno.

segunda-feira, 9 de março de 2020

Homenageados 2020

Amigas e amigos!
Como já avisamos, este ano faremos uma Homenagem a um(a) pesquisador(a) de LIJ, durante a entrega do III Prêmio AEILIJ de Literatura. A Personalidade Homenageada será escolhida por vocês, associados, mediante um formulário que receberão a partir de amanhã, pelos seus e-mails cadastrados junto à AEILIJ.
Os nomes em pauta este ano são:
João Luís Ceccantini – Mestre e Doutor em Letras. Professor de Literatura Brasileira da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP), campus de Assis (SP). Atua junto à Disciplina de Literatura Brasileira, desenvolvendo pesquisa principalmente nos seguintes temas: literatura infantil e juvenil, leitura, formação de leitores, literatura e ensino, Monteiro Lobato e literatura brasileira contemporânea de um modo geral. É coordenador do Grupo de Pesquisa “Leitura e Literatura na Escola”, que congrega professores de diversas Universidades do país.

Marisa Lajolo – Ensaísta, pesquisadora, crítica literária, escritora de literatura juvenil e professora universitária; especialista na obra de Monteiro Lobato. Mestra e Doutora pela USP, desenvolveu carreira acadêmica na Unicamp voltada para a teoria literária e a literatura brasileira, atuando principalmente nas áreas de história da leitura e literatura infantojuvenil. Fez o pós-doutorado na Brown University, nos Estados Unidos. Recebeu em 2006 a Medalha da “Ordem do Mérito do Livro”, da Fundação Biblioteca Nacional. Embora aposentada da Unicamp, coordena nessa instituição o Projeto “Memória da Leitura” e leciona na Universidade Mackenzie.

Regina Zilbermann – Pesquisadora, professora universitária e escritora licenciada em Letras pela UFRGS, com doutorado pela Universidade de Heidelberg, Alemanha. É professora da PUC do Rio Grande do Sul, onde leciona Teoria da Literatura e Literatura Brasileira. Dirigiu a Faculdade de Letras e coordenou o programa de Pós-Graduação em Letras. Também dirigiu o Instituto Estadual do Livro, Instituição ligada à Secretaria de Cultura do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. É autora de vários livros e colabora em jornais e revistas como consultora nas áreas de Letras, Comunicação e Literatura para crianças e jovens.

Caso alguém tenha mudado de e-mail nos últimos anos, favor comunicar o novo endereço eletrônico à nossa Diretoria de Comunicação, pelo e-mail informativo@aeilij.org.br.
Viva Literatura!
DIRETORIA AEILIJ para o Biênio 2019-2020

quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Anuário 2020

Amigas e amigos,

            A AEILIJ – Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil – comunica que nosso Anuário 2020 (Produção 2019) já está pronto e disponível para Download!

            O Anuário da AEILIJ, que entra em sua 6ª edição, publica os lançamentos do ano de nossos associados. Traz capas, resenhas, ISBN e informações gerais sobre cada uma de nossas obras editadas no ano, e é um instrumento muito útil para consultas de bibliotecários, professores e pessoas interessadas em Literatura para crianças e jovens.
            Além de catalogar essas obras, apresentamos este ano uma entrevista com nosso Conselheiro Daniel Munduruku e uma linha do tempo contendo as ações da AEILIJ durante 2019.

            O Anuário AEILIJ 2020 pode ser lido no Issuu, através do link:
                        https://issuu.com/aeilij/docs/2020_anuario_aeilij
            Também pode ser baixado, para leitura e impressão, no link:
                        https://bit.ly/2O9WOSt
            Boa leitura a todos, e parabéns aos nossos associados por suas publicações de 2019!

            Rosana Rios
            Presidente da AEILIJ2020


domingo, 22 de dezembro de 2019

Anuidade 2020



Queridas aeilijianas, queridos aeilijianos:

mais um ano termina e a tesouraria agradece o apoio que vem recebendo ao longo deste primeiro semestre de gestão da VIVA LITERATURA.

Com a quitação de muitas anuidades de 2019 e de algumas de anos anteriores que estavam em aberto, e o ingresso de novas associadas e novos associados, conseguimos equilibrar nosso caixa!

A boa notícia é que teremos condições de conceder descontos para as associadas e os associados ADIMPLENTES que quitarem a anuidade de 2020 (R$ 249,50) no primeiro trimestre - facilitando a projeção do orçamento e alocação de recursos ao longo do ano que completaremos nossa maioridade civil (comemoramos 21 anos de AEILIJ em 2020!).

Quem quitar a anuidade até

  1. 31 de janeiro de 2020, terá bonificação de 50% (R$124,75).
  2. 29 de fevereiro de 2020, terá bonificação de 30% (R$174,65).
  3. 31 de março de 2020, terá bonificação de 15% (R$212,07).

Como de praxe, após efetuar o depósito no Banco Itaú - ag 6370 - cc 43935-5 - CNPJ 03374569/0001-05, por favor envie o comprovante pelo e-mail ou pelo whatsapp abaixo.

Caso tenha dúvidas sobre sua situação na tesouraria, peço que encaminhem e-mail para tesouraria@aeilij.org.br com o título "ADIMPLÊNCIA" ou para o whatsapp 21994507290 até 28/12 ou após 13/1.


Boas Festas e um novo ano repleto de ótimas histórias para nós!

quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

Comunicados importantes

Comunicados importantes:

SITE e YAHOOGRUPOS:
 
* O site da AEILIJ enfrenta problemas de instabilidade há algum tempo, e não está aceitando novas informações; estamos buscando soluções com técnicos e devemos colocar no ar um site provisório ainda este mês. 
* Já o Yahoo decidiu modificar o sistema dos Yahoogrupos, impedindo o upload de novos conteúdos, o que está impedindo nossa comunicação nessa mídia. 

Dessa forma, no momento os meios de comunicação mais eficientes são:
- o Grupo de Discussões no FaceBook
- a Página do FaceBook
- os e-mails contato@aeilij.org.br (Secretaria) e tesouraria@aeilij.org.br (tesouraria)

Nova conta no Banco Itaú: 

A conta do Bradesco foi encerrada. Estamos com uma nova conta para pagamento anuidade e inscrição do Prêmio AEILIJ 2020. A conta é:

Banco Itaú (341) agência: 6370 - conta corrente: 43.935 dígito 5.
CNPJ da AEILIJ: 03.374.569/0001-05

Qualquer dúvida entrar e contato pelo whatsapp da diretora tesoureira (21) 99450-7290 (não funciona para ligação). 

A Anuidade se mantém em R$238,50 para 2019.
 
Fiquem ligados no Blog e no Facebook para mais novidades!
A Diretoria

sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Site AEILIJ



Prezados associados,
Esta semana, nosso site, que já estava apresentando vários problemas, travou. Como ele foi implantado na gestão de nosso saudoso presidente Hermes Bernardi, não temos o contato de quem desenvolveu a área que travou, nem acesso a vários dados de configuração. Não estamos conseguindo inserir as páginas de novos associados ou outros dados. Pedimos a paciência de todos enquanto procuramos uma solução para migrar de hospedagem e/ou plataforma. Em dezembro já devemos ter uma solução, mesmo que provisória.
Abraços a toda a turma AEILIJIANA,
Rosana Rios

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Prêmio Aeilij 2019

Amigas e Amigos, temos a honra de lançar a 3ª edição do Prêmio AEILIJ de Literatura! Segue link para o PDF:
Como nas edições anteriores, TODOS OS AUTORES DE TEXTO E IMAGEM podem participar, não é preciso ser associado AEILIJ; mas os associados ativos (em dia com as anuidades) estão isentos de recolher a taxa de inscrição. A novidade deste ano é que temos uma nova conta corrente para receber as taxas (banco Itaú). Participem! Divulguem! Nestes tempos difíceis, é importante nos unirmos e valorizarmos a boa Literatura para Crianças e Jovens. Vamos premiar a LIJ!

sábado, 21 de setembro de 2019

Carta aos associados


Amigas e amigos da AEILIJ,

            Várias vezes nós, da Diretoria, somos cobrados sobre as ações que realizamos em prol dos associados. Afinal, por que as autoras e autores deveriam associar-se? O que a AEILIJ faz por todos? O que acontece é que muitas das ações que realizamos não aparecem em destaque, antes permanecem na surdina. Mas elas existem! Eis um exemplo.
           
            Desde que o Governo Federal iniciou tratativas para reformar a atual Lei de Direitos Autorais e colocou a Lei em Consulta Pública, a AEILIJ se ligou às demais entidades que defendem o Livro e o Direito de Autor para opinar nesse assunto, no desejo de fortalecer a defesa do que é, afinal, nosso meio de subsistência. Assim, nasceu o Fórum do Livro, Leitura e Literatura pelo Direito Autoral.
            Este órgão tem se reunido periodicamente para analisar cada detalhe dos artigos, parágrafos e incisos que podem sofrer modificações na redação da Lei 9.610/98. Após várias reuniões, que contaram com nossa participação, além de consultas legais e debates, chegou-se à redação de um ofício contendo as observações com as quais concordamos.
           
            Recentemente (no dia 13 de setembro de 2019), o ofício foi encaminhado a Brasília, à Secretaria de Direitos Autorais e Propriedade Intelectual. Nós, da AEILIJ, assinamos o documento junto às demais entidades: ABDL, ABDR, ABEU, ABIGRAF-SP, ANL, CBL, FNLIJ, REBRA, SINDIGRAF-SP e SNEL.
            As observações constantes no documento por nós subscrito têm por objetivo garantir a proteção aos direitos autorais de criadores e titulares de direitos de autor, em especial no ambiente digital, em face das inovações tecnológicas que possibilitam o compartilhamento de conteúdos.

            A AEILIJ tem feito parte desse Fórum e continuará a fazê-lo, sempre empenhada em defender nossos direitos de Autores, seja de imagens, seja de textos. Os associados que se interessarem em analisar o documento em questão podem solicitá-lo à Secretaria da AEILIJ.

            E vamos em frente!

            Rosana Rios
            Escritora e Arte-educadora
            Presidente da AEILIJ para o biênio 2019-2020

            * VIVA Literatura *